!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

16 de dezembro de 2008

Season Premieres #10 | Liz Lemon, Belle/Hannah & No Heroics..

30 Rock: Depois de duas excelentes temporadas, a série volta para a tão aguardada terceira temporada e volta cheia de participações especiais. Já no primeiro episódio, "Do-Over", rolou a participação da Megan Mullally a Karen Walker de Will & Grace, como assistente social da agência de adoção que ficou encarregada de avaliar a Liz, excelente episodio para um retorno, relembrando de uma forma não convencional e muito eficiente alguns acontecimentos da temporada passada, essenciais para o desenvolvimento dessa nova temporada. Contou ainda com a sempre ótima participação do Will Arnett. No segundo, "Believe in the Stars", foi a vez da Oprah. A Liz precisa ir a Chicago para ser dispensada de um Júri e no avião ela encontra a Oprah, ou pelo menos acha que encontra. E em meio a isso ainda tem a briga do Tracy com a Jenna! Genial, o Tracy vestido de mulher branca com uma luva de mão de monstro e a Jenna de Black man!

O terceiro já começa com a participação de uma ex-Friend no título, “The One With the Cast of Night Court”. Jennifer Aniston é a estrela da vez no papel de uma amiga da Liz e da Jenna, a Claire, uma fatal attraction para o Jack. Ótimo episódio, muito bem escrito e com o humor de sempre! No quarto, "Gavin Volure", foi a vez do Steve Martin, no papel de um amigo do Jack, que se diz CEO de uma empresa, e averso a sociedade, que não sai de casa há três anos, mas na verdade é uma criminoso preso em prisão domiciliar. Mas quem roubou a cena mesmo foi o Tracy com o boneco dele mesmo, para despistar os filhos que segundo ele, queria matá-lo. No quinto, "Reunion", sem participações de peso a série atinge o auge da temporada provando que não precisa de estrelas para ser boa! Nesse episódio Liz volta para a cidade dela para uma reunião do colégio onde ela se dizia nerd que sofria com o bullying dos classmates, e descobre que na verdade sim, ela era uma nerd, mas o bullying vinha da parte dela, ela era uma bad girl! E o Jack que ia pra Miami, mas ficou preso com a Liz, fingi ser outra pessoa e rouba a cena como o cool guy de quem todo mundo quer ser amigo. Excelente episódio!! Traduzindo tudo isso: 30 Rock rocks com ou sem participação! E voltou em grande estilo!


*****


Secret Diary of a Call Girl: Faz um tempo que acabou a segunda temporada de Secret Diary of a Call Girl, mas ainda estou devendo minhas considerações sobre essa excelente segunda temporada! Comecei a assisti essa série meio que por acaso. Várias blogs comentaram a tão elogiada primeira temporada da série e foi depois de ler esses comentário que decidir acompanhar, afinal nem era tão longa a temporada, série inglesa tem essa mania de séries curtas, e já estava prestes a começar a segunda temporada, vi toda a primeira temporada em uns três dias, viciante, me envolvi mesmo com a Belle e seus casos promíscuos e com a Hannah e sua vidinha 'quase-normal' tirando o fato de ser prostituta e ninguém do seu convívio social fazer idéia disso! Bom, pelo menos não durante a primeira temporada.

Na segunda o círculo de amizades dela aumenta, o que antes se limitava ao Ben, ex-namorado e atual melhor amigo, inclui agora a Bambi, que vai atrás dela para conselhos sobre a profissão e acaba criando uma amizade interessante e o Alex, o primeiro romance da Hannah explorado na série. E foi muito bem explorado, por um roteiro mais bem elaborado do que na primeira temporada, evitando a mesmice dos episódios que se limitavam a vida profissional da Hannah, praticamente. Mas não deixava de ser interessante, vale lembrar.

Só que o que já era bom fica melhor ainda, quando ela se vê realmente apaixonada pelo Alex, que eventualmente descobre sobre a profissão dela, e do pior jeito possível, e exige dela uma atitude. Ela até tenta e vai trabalhar num escritório e no mesmo dia é rebaixada de cargo provando que não nasceu praquele tipo de trabalho. Esse novo drama na vida dela dá um gás na série que ainda consegue um desfecho interessante, agora é aguardar a terceira temporada. Ah, vale destacar a ótima trilha sonora da série e as ótimas atuações do elenco principal, principalmente da Billie Piper (Belle/Hannah), que estava grávida durante as gravações.


*****


No Heroics: Lembro de como eu gostei dessa série nos dois primeiros episódios que vi, e que por sinal foi quando decidi elogiá-la aqui no blog. Porém, justiça seja feita e depois desses dois episódios a série desandou. Acho que o problema era comigo, que estava propício demais a aceitar coisas ruins àquela época, tanto é que também tinha ‘gostado’ de Do Not Disturb, mais uma dessas sitcom chatinha que já foi até cancelada, não tendo nem uma temporada completa. Mas voltando a No Heroics, a série teve seu ponto alto no segundo episódio, que foi de todos os episódios, o único realmente engraçado e que me empolgou muito, mas as histórias superficiais e a falta de química entre os atores fizeram com que essa temporada não tivesse carisma o suficiente para conquistar o que quer que seja. Nenhum personagem teve um grande momento durante toda a temporada, tava todo mundo junto e misturando numa bagunça que inclusive acabou de um jeito mega estranho. Com a morte mais sem pé nem cabeça que eu já vi em um seriado! Mas enfim, nem sei se a série volta para mais uma temporada, vi no site oficial que o último episódio foi o Series Finale, mas me disseram que essa regra de series finale e season finale não vale muito na Inglaterra. So...

5 comentários:

euseries disse...

Acredita que eu esqueci da temporada de Secret Diary? Vi acho que os dois os três primeiros episódios da temporada, depois... bem depois a maioria das séries americas tinham voltado e eu esqueci da série.

Já 30 Rock... Só não gostei muita da participação do Steven, pois o resto foi perfeito. E como você disse, em "Reunion" foi o auge da temporada.

Na minha opinião a segundo melhor episódio da temporada até agora fica com o episódio "Oprah". Nem tanto por ela, mais sim pela garota que a Liz achava que era ela - ótima atriz - Fora que a descoberta de que aquilo tudo foi causado pelos remédios foi demais. Morri de rir!

Kamila disse...

Das séries mencionadas no post, só assisto a "30 Rock" e, mesmo assim, ainda não vi nada da terceira temporada. Apesar disso, a lista de guest stars me deixa ansiosíssima para a estréia do programa no próximo ano, na Sony.

Hugo Bessa disse...

30 Rock eu ainda tô na primeira temporada. Preciso ser mais rápido. rs.
Secret Diary eu sou apaixonado. A segunda temporada foi demais. A série cresceu muito. Não vejo a hora da terceira temporada voltar. Pena que ainda demora.

Marcel Gois disse...

Maurício, recomendo que volte a ver Secret Diary, vale a pena e é tão curtinha, não só a temporada como os próprios episódios mesmo.. E realmente, até agora a participação do Steve foi a mais sem graça..

Kamila, e o mais legal é que com guest star, ou sem guest star a série é genial! O segredo tá mesmo é no roteiro.. =) Mas claro que sempre ajuda uma celebridade convidada.. =)

Hugo, adiante logo 30 Rock que você não vai se arrepender, é genial! E também não vejo a hora de Secret Diary voltar, é viciante!

Vinícius P. disse...

Estou adorando essa temporada de "30 Rock", acho que meu preferido foi o episódio com a participação da Jennifer Aniston. Ainda não acompanho "Secret Diary of a Call Girl" e "No Heroics", mas quem sabe um dia...