!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

16 de fevereiro de 2009

Season Premieres #14 | Skins

Sabe quando Malhação começou e foi aquela febre imediata? Da mesma forma que Beverly Hills 90210 (a.k.a. Barrados no Baile) nos EUA – e no mundo, a bem da verdade. Até mesmo porque, foi o início de um gênero que teria muuuuuitos filões pela frente: as séries adolescentes. O sucesso e a qualidade das mesmas, cada uma em suas determinadas proporções, é inegável. Isso, claro, tratando-se das séries originais: Barrados e a ACADEMIA Malhação. Os temas atuais, polêmicos e que ajudavam os pais a discutir certos assuntos espinhosos com os filhos, marcaram época e estabeleceram um gênero. Entretanto, com o passar do tempo, as histórias de Malhação passaram a se repetir e hoje em dia nós temos os mesmos personagens sempre. Pra piorar, os atores são sofríveis – em sua maioria. A mesma coisa acontece com o spin-off de Barrados - 90210, exibido atualmente pelo CW norte-americano. O mais interessante da série são justamente as participações dos atores da versão original, reprisando seus papéis.

Todo esse prólogo pra uma coisa: poderia SKINS, uma série GENIAL e completamente inovadora desse gênero, se perder da mesma forma em sua terceira temporada?

Skins é uma série inglesa de adolescentes, completamente oposta a todas suas predecessoras. Sexo quase explícito, uso de drogas em abundância e vida completamente desregrada marcam TODOS os personagens. Cada um extremamente complexo e desenvolvido de forma genial, com atuações em sua maioria muito boas. Isso, claro, as duas primeiras temporadas, com Tony, Sid, a esplêndida Cassie e todos os outros. Pra terceira temporada, os produtores CHUTARAM todos e trouxeram uma outra turma, completamente nova de adolescentes perturbados, liderados por Effie – irmã de Tony, que junto com a Pandora tornam-se as únicas que já haviam aparecido na série. Será que isso poderia fazer com que a série se perdesse? A princípio, um pouco.

Assistindo o season premiere, conhecemos Freddie, Cook, JJ, Katie e Emily (gemeas) e Naomi. Além de Effie, claro. De todos, Effie é de longe a mais interessante. Misteriosa e completamente perturbada, provavelmente vai exercer o mesmo papel de seu irmão bem, sendo a futura líder do grupo. Vendo os outros, achamos velhos conhecidos: JJ é o novo Sid, nerd virgem; Pandora é uma tentativa de fazer uma Cassie mais abobalhada – e pior; Cook é um Charlie (que era brilhante) mais perturbado, e exagerado. Naomi é a quota de personagens gays – aparentemente – que era de Maxxie. A puta popular da escola da vez é Katie, no lugar de Michelle. Freddie e Emily, certinhos demais (tão certinhos que eu não sei o que fazem em skins) ainda não mostraram a que vieram. Apesar disso tudo, Skins ainda prende minha atenção. O mundo complexo da adolescencia inglesa é interessante demais pra não permitir que isso aconteça. Resta saber se só a premissa da série vai ser suficiente pra me prender pelo resto da temporada. Por favor, roteiristas, uma reviravolta, já. Salvem Skins.

PS nada a ver: Boa sorte pra mim, que começo meu estágio na TIM hoje! YAY!

6 comentários:

Vinícius P. disse...

Disseram que essa temporada está muito fraca mesmo e decepcionou os fãs de "Skins". Eu, que só vi o primeiro ano da série, só tô com vontade de ver o segundo e parar por aí.

E boa sorte no estágio aí =)

. cleber disse...

Só vi a primeira temporada inteira, e não gostei muito, é uma adolescencia sem controle .

http://cineclubsp.blogspot.com/

Wally disse...

Vi o piloto de SKINS e adorei, mas estranhamente não o suficiente para ver o resto. Agora desanimei de vez...

E boa sorte ^^.

Ciao!

xarão disse...

Breno,
Não conheço a série, mas parece interessante.
E boa sorte no novo estágio!

Matheus Pannebecker disse...

Vi apenas alguns episódios da primeira temporada e não me animei muito...

Kamila disse...

Boa sorte no estágio da TIM, Breno!!!

Já ouvi falar muito de "Skins", mas nunca confer a série.