!-- Javascript Resumo Automático de Postagens-->

26 de janeiro de 2009

Season Premiere #13 | Damages

Damages era a série que eu mais esperava para 2009. Sorry, J.J., gosto muito de Lost! Mas é verdade. Depois da primeira temporada super bem feita e aliado à relativa demora para o retorno da temporada, minha curiosidade só aumentava. Lá nos EUA já foram exibidos 3 episódios da segunda temporada da série. (Eu tentei escrever evitando o máximo de spoilers possível, mas nunca se sabe, o que pode ser um spoiler importante pra vocês, pode não ser pra mim, então é colocar sua conta em risco rs)

O 1º foi "I Lied, Too", começa no mesmo esquema da temporada passada, a Ellen está em um lugar até então desconhecido, fazendo um monólogo de ameaça para alguem que está com ela nesse lugar e quando ela saca uma arma, corta a cena e voltamos 6 meses para começar a entender como ela chegou àquele ponto. Bom, em um resumo rápido e sem muitos spoilers, a Ellen, como já sabemos, está trabalhando com a Patty só para ajudar o FBI numa investigação, então para fazer a dançar no ritmo deles, a Ellen mostra para a Patty um caso que eles escolheram pra ela, sobre mortalidade infantil, que ela aceita de primeira. Mas ao mesmo tempo, Daniel Purcell (William Hurt), que já conhece a Patty há quase 20 anos, aparece deixando com ela uns documentos para ela guardar, documentos esses que provam a fraude em uma corporação que ele costumava trabalhar, alguma coisa a ver com o nível de mercúrio na água em West Virginia, devido a queda de chuva ácida provisoriamente da queima de carvão de uma indústria ligada a essa corporação.

É quando a advogada da corporação, Clarie Maddox (Marcia Gay Harden) entra em ação, no episódio "Burn It, Shred It, I Don't Care", e é quando a Patty decide manter apenas esse caso recusando o da mortalidade infantil, para o desespero de Ellen e do pessoal do FBI. Nesse episódio ainda sabemos que a Ellen começará a se envolver com um homem, Wes Krulik (Timothy Olyphant). Ela conhece ele numa sessão de terapia em grupo e já há quem diga que esse rapaz está envolvido em algum dos lados da história, e que o encontro dele com Ellen foi premeditado, mas por enquanto não sabemos, mas eu também acho que alguma coisa ele esconde.

Em "I Knew Your Pig", o 3º episódio, o Daniel agora, além de envolvido com o caso da água de West Virginia, precisa da ajuda de Patty para livrá-lo da suspeita do assassinato da esposa dele. Há a suspeita de que a corporação esteja envolvida nesse assassinato, mas como diria a Ellen, o próprio Daniel "is full of shit", a.k.a. mentiroso até dizer chega, não dá pra saber exatamente o que realmente aconteceu. Em parte também por que tá muito cedo e em três episódios não dá nem pra sentir onde esse caso vai dar, so... Mas dá pra adiantar que essa temporada tá empolgando tanto quanto a primeira e agora é esperar pra ver onde isso tudo vai dar.

E só para acabar o post, vale citar que até agora o Frobshier só apareceu mesmo uma vez, no primeiro episódio, sem contar os sonhos da Ellen, ela ainda não decidiu se ela quer vingança ou justiça e enquanto isso ele ainda deve dar as caras mais algumas vezes. O Ray Fiske, já "apareceu" para a Patty uma vez também, e acho que a participação dele nessa temporada deve ser até menor do que a de Frobshier, mas é isso aê, they're moving on. A onda agora é o mercúrio, ou melhor, está contamida pelo mercúrio.

7 comentários:

Kau Oliveira disse...

Ai ai ai, até me dá um frio na barriga em pensar que Willam e Marcia estão em Damages. Pra mim, é a série mais inteligente da atualidade e está no meu top 5, com certeza!

Abraços.

Museu do Cinema disse...

Damages parece ser bom!

Vinícius P. disse...

Parece que essa temporada não dará muita atenção ao Frobisher, o que é uma pena, mas mesmo assim a trama está muito interessante e todo o elenco arrasa, com destaque para o Olyphant e o Hurt. Abraço!

Matheus Pannebecker disse...

To gostando mais do início dessa temporada do que a do ano anterior...

Kamila disse...

Estou doida para ver a nova temporada de "Damages", mas aguento esperar até a estréia no AXN!

Marcel Gois disse...

Kau, a série é excelente mesmo! Tb é uma das minhas preferidas. Abraço

Cassiano, é ótima, é o tipo de série que não entrega a informação logo de cara, vai prendendo o quanto puder, mas no final tudo faz sentido! mt bom! Recomendo.

Vinícius, pois eh, eu comentei dele pq achei que essa temporada ainda ia bater na tecla 'Frobisher', até pq eu tinha lido que o Zeljko Ivanek ia participar dessa temporada ainda, dae achei que ele ia aparecer em flashbacks dsd antes do caso, mas me enganei! rs Abraço.

Matheus, realmente esse começo foi melhor do que o passado, tb achei isso.

Kamila, como eu só tenho tv aberta aqui, o único jeito de assistir e graças ao Paul msm! rs

euseries disse...

Achei que a série só melhorou após a premiere, a primeiro episódio foi confuso, o segundo já melhor um pouco e o terceiro foi muito bom.

O elenco de celebridades cinematrograficas está muito bom, achei Timothy e William Hurt simplesmente brilhantes.